×

Resumo do carrinho

Nenhum produto no carrinho.

Nenhum produto no carrinho.

Oferta!

EPIDENDRUM LATILABRE MUDA

R$30,00 R$18,00

ou 3x de R$6,00 s/ juros

à vista R$16,20 no depósito bancário

Em estoque

Descrição

O nome da espécie, latilabre, deriva do latim: latus, que significa “largo”, e labrum, que significa “labelo”, em referência ao formato de seu labelo.

 

Sinonímia: Amphiglottis latilabra; Epidendrum althausenii; Epidendrum uniflorum; Epidendrum latilabrum e Neolehmannia latilabris.

 

A julgar pela aparência das flores, esta orquídea é muito confundida com outra planta do mesmo gênero, mesmo habitat e mesma região de ocorrência, o Epidendrum pseudodifforme. Relaciono a seguir algumas diferenças básicas para facilitar a identificação da espécie:

 

As folhas  e flores do Epidendrum latilabre são maiores que as do Epidendrum pseudodifforme. Seu caule é mais largo no ápice do que na base, e o caule do Epidendrum pseudodifforme apresenta largura uniforme desde a base até o ápice.

A inflorescência do Epidendrum latilabre tem entre 1 e 5 flores, enquanto a do Epidendrum pseudodifforme pode apresentar mais de 10 flores por inflorescência.

O Epidendrum latilabrefloresce normalmente no começo do outono e Epidendrum pseudodifforme floresce um pouco mais tarde, entre dezembro e janeiro.

Possui rizoma curto, grosso e ramificado, com raízes velamentosas, e suportando caules retorcidos de até 20cm de comprimento. Apresentando folhas coriáceas e grossas dispostas de forma alternada em sua extensão.

A inflorescência do Epidendrum latilabre surge no ápice do caule. Curtas hastes de aproximadamente 10cm de comprimento, suportando entre 1 e 5 flores cerosas de tamanho que varia de 3,0 a 5,0cm de diâmetro.

As flores não são perfumadas e a cor predominante é o verde claro. Sépalas e pétalas similares, de formato linear, e labelo com margens onduladas a crespas. Discreta e simpática.

Seguem algumas dicas para cultivo:

Sugiro cultivar o Epidendrum latilabre fixado em tronco ou casca de árvore, com muitas raízes expostas. Esta planta precisa de grande aeração nas raízes.

Se sua opção for cultivo em vaso ou caixeta, então utilize um substrato confeccionado com partes iguais de casca de pinus, carvão vegetal e esfagno.

Cuidado com água acumulada no fundo. O substrato deve ser arejado e drenar a água imediatamente.

Sugiro cultivo com 60% de sombreamento, e temperaturas entre 5 e 35 graus.

Floresce no começo do inverno e cada floração dura em média 20 dias.

 

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “EPIDENDRUM LATILABRE MUDA”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *